Ferramenta do MPSC informa o calendário de vacinação contra a Covid nas cidades

O site QuemVacinaHoje? vai auxiliar as Secretarias Municipais a cumprirem de forma mais eficiente o compromisso de cada município com a sua população.

Todas as informações básicas e necessárias para você saber se está na sua vez de se vacinar, onde você receberá a sua dose e qual o imunizante que será aplicado, agora estão reunidas em um único endereço eletrônico, que disponibilizará os calendários de vacinação de todos os 295 municípios catarinenses.

O site QuemVacinaHoje? foi desenvolvido pela Gerência de Ciências de Dados e Inovação (GECDI) do Ministério Público de Santa Catarina em parceria com o Conselho Estadual das Secretarias Municipais de Saúde (COSEMS/SC) para facilitar o acesso da população às informações sobre a campanha de imunização e tornar o processo mais transparente.

CLIQUE AQUI e acesse o portal.

A utilização da ferramenta pelos municípios tornou-se obrigatória, por ter sido objeto de pactuação pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB) de Santa Catarina, o que não prejudica o uso de ferramentas próprias pelos municípios, em especial para operacionalização de estratégias como o agendamento da vacinação.

Para o COSEMS/SC, a ferramenta vai auxiliar as Secretarias Municipais a cumprirem de forma mais eficiente o compromisso de cada município com a sua população, uma vez que preenche uma das principais lacunas na campanha de imunização, já prejudicada pela escassez de vacinas, que é a de levar aos públicos prioritários a informação de que agora chegou a sua vez de se vacinar.

Um dos problemas na campanha de vacinação levantados pelo MPSC, e também um dos fatores que, juntamente com a escassez dos imunizantes, tornam mais morosa a vacinação e facilitam a ocorrência de casos suspeitos de fura-fila, é a falta de canais claros para a divulgação das datas, locais e fases da vacinação nos municípios e os documentos que devem ser apresentados pelas pessoas para comprovar que elas se enquadram no público prioritário da vez.

Com o site, tanto o cidadão e a cidadã que aguardam a sua vez de receber a vacina, quanto os órgãos de controle externo, como o Ministério Público, poderão monitorar o cumprimento adequado de cada fase da campanha para o atendimento dos públicos prioritários.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa
Foto: Divulgação