Polícia mantém cerco aos criminosos que tentaram assaltar carro-forte

Ação policial envolve mais de 200 policiais, além de dois helicópteros

A Polícia Militar mantém o cerco aos integrantes de uma quadrilha que tentaram um assalto a carro-forte, ocorrida nesta terça-feira, 10, entre Fraiburgo e Videira. Eles fugiram em direção a Monte Carlo e Campos Novos, se embrenhando na mata.

Alguns deles já são foragidos do sistema prisional do Rio Grande do Sul. “Foram feitas buscas intensas à noite e de madrugada. Os foragidos estão escondidos no mato onde só entra o Bope”, detalhou o capitão Marcelo Macedo em entrevista à Rádio Cultura.

Segundo o capitão, em razão do cerco fechado entre Ibiam, Monte Carlo e Campos Novos, na região de Espinilho e Marari. Ainda de acordo com o capitão, em entrevista à Rádio Cultura, dificilmente os 10 criminosos tenham se evadido para outras regiões. O cerco policial envolve mais de 200 policiais, além de dois helicópteros.

A PM detalhou ainda que os bandidos fortemente armados estão em um veículo Fiat Pálio placas MKJ-7755 de Videira, tomado em assalto, e em um VW/Gol, sem identificação da placa. O capitão recomenda cautela à população e pede a colaboração com informações.

A proprietária de um dos veículos roubados, Kari Zanivan Vaz, conversou o repórter Douglas Alves, da Rádio Vitória, emissora integrante da RBV Rádios. Ela conta como ocorreu a ação da quadrilha para levar os dois carros da família.

Fonte: Jornalismo Rádio Caçanjurê com informações da Rádio Cultura
Foto: Divulgação Rádio Cultura
Comentários
Carregando...