Gasolina se aproxima dos R$ 5 e diesel pode provocar aumento de preços geral

Quem abasteceu o veículo nos últimos dias levou um susto com o preço do combustível. Só neste ano foram 3 reajustes e o preço do litro da gasolina se aproxima cada vez mais dos R$ 5,00

Quem abasteceu o veículo nos últimos dias levou um susto com o preço do combustível. Só neste ano foram 3 reajustes e o preço do litro da gasolina se aproxima cada vez mais dos R$ 5,00. 

Em um levantamento realizado pela reportagem do RBV Notícias, na região do Alto Vale do Rio do Peixe a gasolina comum é encontrada em um preço médio de R$ 4,73 por litro. O preço médio do litro do diesel comum na região é de R$ 3,74.

O preço do combustível na bomba está pesando no bolso do consumidor, como é o caso da secretária Naiara Moraes, que tem moto e carro.

Na refinaria, o último reajuste elevou o preço da gasolina para R$ 2,08 o litro. O diesel chegou R$ 2,12. João Leandro Antunes, proprietário de um posto de combustíveis em Videira, afirma que os aumentos pegaram os empresários de surpresa, o que dificulta manter um preço competitivo.

O biodiesel, que compõe o óleo diesel, também influencia a alta no preço do combustível. O gerente de um posto de combustíveis em Caçador, Eleandro Alves de Souza, prevê que o aumento no preço do diesel pode desencadear um aumento de preços de forma geral.

Em Caçador o preço médio do litro da gasolina comum é de R$ 4,65, e do diesel comum é R$ 3,69. Videira fechou com uma média de R$4,72 o litro da gasolina comum e R$3,70 o diesel. Entre Capinzal e Ouro a média da gasolina é de R$ 4,76 e do diesel é R$ 3,75. Tangará registra média de R$ 4,78 no preço da gasolina e R$ 3,80 no litro do diesel. O levantamento considerou o preço de 29 postos nessas cidades no dia 1º de fevereiro.

 

Fonte: RBV Rádios
Foto: RBV Rádios