Equipe de cães do CBMSC atua em buscas por bombeiros no RS

Bombeiros desapareceram durante o combate ao incêndio no prédio da Secretaria de Segurança Pública da Capital gaúcha

Nesta terça-feira, 20, dois binômios, dupla entre bombeiro militar e cão de busca, do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC), foram até Porto Alegre, para apoio ao CBM Rio Grande do Sul (CBMRS), na busca pelos militares desaparecidos após o incêndio e colapso na estrutura da edificação em que estava instalada a Secretaria da Segurança Pública do Estado, na Capital gaúcha.

O cabo Ronaldo Fumagalli e cão Hunter, do CBMSC em Curitibanos, além do soldado Luciano Rangel e o cão Orion do CBMSC em Lages, estão atuando na busca pelos desaparecidos, em meio aos escombros. Cabe destacar que os dois militares e o cão Hunter possuem experiência, inclusive acionados em apoio ao CBMMG, na ocorrência de Brumadinho.

 

 

 

Sobre a ocorrência

 

Na noite do dia 14 de julho, por volta das 21h40min o CBMRS foi acionado para o combate ao incêndio no prédio da Secretaria de Segurança Pública da Capital gaúcha. Além das chamas, algumas estruturas colapsaram também, dificultando o acesso e aumentando a proporção desta ocorrência.

Em meio ao combate as equipes perceberam o desaparecimento de dois bombeiros que atuavam na cena: o 1º tenente Deroci de Almeida da Costa e o 2º sargento Lúcio Ubirajara de Freitas Munhós. As buscas seguem no local.

 

Fonte: CBMSC
Foto: Divulgação Bombeiros