Antecipação de auxílio-doença é ampliada

Quem aguarda pelo benefício na fila do INSS poderá solicitar uma antecipação de R$ 1.045 por até 60 dias

O governo prorrogou o prazo para pedir a antecipação do auxílio-doença de quem aguarda a concessão do benefício. O prazo anterior era de 30 dias, e poderia ser solicitada uma antecipação no valor de um salário mínimo, R$ 1.045,00. Agora, o prazo é de até 60 dias.

A antecipação serve para quem foi afastado do trabalho por motivos de saúde e não recebeu, por conta da pandemia, o auxílio-doença da previdência.

Quem já havia solicitado a antecipação, poderá renovar a solicitação. Quem ainda não havia pedido, já vai antecipar dois meses. Porém, o INSS alerta que esse prazo só vale para quem teve a recomendação médica de afastamento de mais de 60 dias.

Quem teve recomendação menor vai receber de acordo com os dias parados. Por exemplo, afastamentos por 20 dias vai receber aproximadamente r$ 700 de auxílio antecipado.

O pedido de antecipação deve ser feito pelo site meu.inss.gov.br, ou pelo aplicativo de celular Meu INSS. Lá, o trabalhador deve anexar o atestado médico com as informações do período de afastamento, o motivo e os dados legíveis do médico.