Amarp receberá R$ 768 mil por mês para recuperação de rodovias

Região abrange 15 municípios e tem 466 quilômetros de malha rodoviária

Os primeiros convênios para manutenção de rodovias estaduais, por meio do Projeto Recuperar, e o decreto que oficializa a criação do programa serão assinados amanhã em Florianópolis. No evento, o governador Carlos Moisés e o chefe Casa Civil, Douglas Borba, também assinam o termo de cooperação entre Casa Civil e associações de municípios para instalação e operacionalização dos Núcleos de Gestão de Convênios.

Participam da cerimônia o secretário de Infraestrutura e Mobilidade, Carlos Hassler, o presidente da Federação Catarinense de Municípios (Fecam), Joares Ponticelli, além dos prefeitos que presidem as associações de municípios e os consórcios públicos.

Já nesta primeira etapa do Projeto Recuperar, o Governo do Estado firma parceria com nove consórcios, que abrangem 16 das 21 associações de municípios existentes em Santa Catarina. Ao todo, 170 cidades serão atendidas.

Os convênios representam quase 4 mil quilômetros da malha rodoviária estadual e investimentos de R$ 6,5 milhões por mês.

Na região da AMARP, Associação dos Municípios do Alto Vale do Rio do Peixe, que abrange 15 cidades e um total de 466 quilômetros de rodovias, o valor mensal desse projeto do Governo do Estado será 768 mil reais por mês.

Após a assinatura dos convênios, caberá aos consórcios dos municípios executarem os serviços. Eles poderão contratar equipes ou aproveitar servidores das prefeituras, seguindo as condições mais adequadas para a realidade de cada região. O Estado fiscalizará a execução, com a contratação de pelo menos 30 engenheiros já aprovados em concurso público.

Fonte: Central de Notícias da RBV
Foto: Divulgação
Comentários
Carregando...