3° Fase Operação Faraó: Polícia prende homem por pirâmide financeira

Autor já estaria em prisão domiciliar, mas descumpriu as medidas cautelares e continuava a prática de crime financeiro

Nesta quinta-feira, 1º de outubro de 2020, a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia da Comarca de Videira, com apoio de policiais civis da DPCO de Tangará e DIC de Videira, deflagrou a Operação Faraó, constituindo-se na 3ª Fase da Operação que investiga crimes de Lavagem de Dinheiro e de Pirâmide Financeira, ocorridos no meio-oeste catarinense.

Parte da operação foi realizada na cidade de Itajaí-SC e a outra parte na cidade de Videira-SC. No litoral, policiais da DPCO de Videira e de Tangará deram cumprimento à busca e apreensão no hotel em que o suspeito estaria hospedado. Para tanto, contou-se com a ajuda do estabelecimento que acompanhou as buscas e também presenciou a prisão do investigado pela Polícia Civil. No local, foram apreendidos três celulares, notebook e pouca quantidade de dinheiro.

 

O investigado foi preso preventivamente e transportado para a cidade de Videira-SC para procedimentos de praxe e permanecer à disposição do Poder Judiciário Catarinense e do Ministério Público.

Em Videira-SC, no período vespertino, foram montadas outras equipes, com auxílio da DIC, para dar cumprimento aos mandados de busca e apreensão da cidade.

No local, foram apreendidos aproximadamente 8 mil reais em espécie, 3 Notebooks, 2 computadores, 4 celulares, 3 quadros de luxo, uma espingarda calibre 22, um drone, entre outros bens de elevado valor. Houve ainda um imóvel sequestrado que estaria em nome do investigado.

A partir de agora, as investigações continuarão para analisar os objetos apreendidos e promover o confronto das informações até então obtidas.

 

Fonte: Divulgação Polícia Civil
Foto: Divulgação Polícia Civil